Coleções: os games mais raros e caros do mundo

Já pensou em ser um grande colecionador de games? Então veja o preço de alguns itens mais raros e desista enquanto é tempo =D

0
3516

Você que tem sua humilde coleção de videogames: podem ser alguns cartuchos meio desgastados, com rótulos estropiados, sem caixa, manual nem pensar, talvez um console de cada, baleados mas funcionando... Já pensou em levar essa paixão adiante? Entrar no nível dos grandes colecionadores, criar um ambiente climatizado na sua casa, comprar carts que muita gente até pensa que não existe, tudo perfeito e completo? Parece legal ter tais relíquias pra admirar e exibir, quem sabe até fazer umas exposições no futuro, ou até um museu.

O empecilho para pobres como eu (não que eu considere a ideia, por falta de dinheiro, espaço e vontade) e talvez você é que certos jogos alcançaram patamares de preço totalmente absurdos devido à raridade. Os casos do Stadium Events do NES ou do Tetris para Mega Drive são renomados, então vamos dar uma olhada em mais algumas peças de coleção de deixar qualquer aprendiz de Tio Patinhas com calafrios.

Separados aqui por console, com preços estimados em dólares. Não é uma lista 100% confiável, portanto não venda um desses se tiver! Usei como fonte esse artigo espetacular do RacketBoy e fiz pesquisas nos eBays da vida pra atualizar certos valores.

Atari 2600

Sendo uma máquina tão antiga, é natural que seus games tenham valor de coleção cada vez maior, e a tendência é piorar. Mesmo os que circularam bastante já não são tão baratos, afinal os mais novos têm ao menos uns 25 anos de estrada. Se for um jogo de fabricação limitada então, ferrou de vez.

Gamma Attack

Preço estimado: 20 a 50 mil dólares

Gammaattack Atari 2600Simplesmente um dos games mais raros do mundo, se não o mais raro, só existe UMA unidade conhecida em circulação, atualmente sob posse do colecionador Anthony DeNardo. Foi o único jogo lançado pela companhia Gammation.

O preço é mera sugestão, seu valor real é incalculável. O dono avalia em algo entre 20 e 50 mil dólares, mas afirma que já recebeu ofertas maiores pelo cartucho. Em todo caso — vai que cola —, foi colocado à venda no eBay em 2008, com um pedido inicial de 500 mil! Claro que permanece com DeNardo.

Ficou curioso pra jogar? Não se preocupe, tem ROM disponível por aí baseada no relançamento feito em 2008 por Robert L. Esken Jr., o programador original da Gammation, é só pesquisar que você acha.

Já se você for um milionário excêntrico e quiser o cartucho original, tire o cavalo da chuva: ele não deve sair do território americano nem a pau — ou melhor, até sai por um valor exosférico ou se você for buscar pessoalmente (colecionadores têm medo de acidentes e desvios do tesouro pelo caminho).

NES

O Nintendinho teve muitos jogos comemorativos, oferecidos em campeonatos e que não circularam, então é lógico que esses são os mais raros. Se foram parte dos épicos campeonatos mundiais, então...

World Championships 1990 Gold

Preço: 15 a 20 mil dólares

Nintendo World Championships Gold 1990O cartucho dourado. Não muito diferente do cupom dourado do Willy Wonka que era desejado por crianças do mundo todo, ele é uma compilação de três games (Super Mario Bros., Rad Racer e Tetris) com sistemas próprios de score, feito para o mundial organizado pela Nintendo em 1990.

O torneio percorreu 29 cidades americanas, e era por melhor pontuação num período de 6 minutos e 21 segundos. Divido por idades (abaixo de 12, 12 a 17 e 18 em diante), teve uma linha de cartuchos cinza como os originais, modificados com um switch que controlava o tempo de partida (hoje também bastante valiosos), além desses dourados, de um torneio paralelo ao mundial organizado pela revista Nintendo Power. Existem apenas 26 originais.

Como foram distribuídos em várias regiões dos Estados Unidos, volta e meia um deles vem à tona. Mesmo assim, é muito raro que apareçam. Em 2007, um foi vendido por cerca de 21 mil dólares. O último que deu as caras no eBay foi negociado por 18 mil.

O preço é naturalmente inflacionado por seu valor histórico, mas curiosamente, não são os mais raros do NES.

nes stadium events
Raro é pouco, jovem: ter um desse é puro "statis" pra colecionador.

Stadium Events: se o cart dourado é o mais valioso, o mais raro entre os que estiveram disponíveis ao público geral é Stadium Events. Criado pela Bandai para o acessório Family Fun Fitness (FFF), o game lançado em 1986 tem competições esportivas como salto em distância e triplo, 100 m rasos e outros.

Com cerca de 2000 unidades produzidas, a raridade aconteceu pela descontinuação do Family Fun Fitness, que foi comprado pela Nintendo e transformado no Power Pad, havendo um recall dos cartuchos que já estavam nas prateleiras compatíveis com o acessório: Stadium Events e Athletic World foram recolhidos.

Acredita-se que só uns 200 entraram em circulação antes do recall, e só uns 20 ainda são vistos com relativa frequência. Desses, pelo menos 2 estão lacrados na embalagem original; um deles foi vendido por cerca de 22 mil dólares em 2011. Outro apareceu por 25 mil no eBay. Quem se habilita?

Master System

O Master não é o mestre no assunto raridade ou preço, pelo menos por enquanto. Talvez seja pela falta de interesse dos americanos nele, mas o fato é que não há um jogo tão raro quanto os anteriores. Mas pra não dizer que não citei nenhum:

Sonic (americano)

Preço: 300 a 500 dólares

Sonic do Master System

Tem uma enxurrada de carts do Sonic comendo soltos no eBay, mas não confunda: a maioria são europeus, esses sim abundantes. O americano é o mais difícil de achar, e pra não haver confusão: o NTSC tem um código de barras no verso da embalagem, geralmente iniciado por "01008...", enquanto o PAL (europeu) tem "49743...".

Os cartuchos em si são idênticos ou muito difíceis de diferenciar, portanto só quem coleciona mesmo e tem as embalagens terá algo de grande valor em mãos.

O cartucho mais valioso fabricado pela Tec Toy é outro Sonic, o Sonic Blast, com valor médio entre 80 e 250 dólares.

Mega Drive

O Megão também tem suas pérolas raras com preços de tesouro, e o mais caro de todos é graças à Nintendo. Como assim?

Tetris

Preço: 3 a 16 mil dólares

Tetris autografadoProduzido ao mesmo tempo que a versão para o arcade System16 da Sega, o famoso quebra-cabeças para o Mega Drive chegou a ser produzido, mas não lançado, depois de várias tretas judiciais com a Nintendo, que tinha contrato de exclusividade para Tetris em consoles.

Mas algumas unidades vazaram e hoje restam cerca de 10 que circulam; não circulam muito, mas de vez em quando aparecem. Enquanto um cartucho desses é visto por valores até os US$15 mil, um deles autografado por Alexey Pajitnov (você deve saber quem é) foi anunciado no eBay por UM MILHÃO DE DÓLARES.

Claro que o valor era só pra chamar atenção, o dono (o colecionador espanhol Luc Fons, que tratou de postar uma foto junto com Pajitnov pra confirmar a autenticidade do autógrafo) não devia acreditar que alguém chegaria a tanto; o anúncio foi encerrado e todas as ofertas, certamente muito abaixo disso, recusadas.

Dos feitos pela Tec Toy, o mais raro é Nightmare Circus, que foi cancelado no mundo (quase) todo quando estava pronto para o lançamento, saindo só no Brasil. O preço fica entre 180 e 250 dólares.

Super Nintendo

No SNES (e Famicom), tal como no NES, o mais raro é um cartucho de torneio. Mas outros também são  caros, inclusive um mais que popular.

Kunio-kun no Dodge Ball - Zenin Shuugou! (Gold)

Preço: 1000 a 1200 dólares

Dodgebal Gold Super Famicom

Alguns games foram produzidos em versões limitadas douradas, para torneios no Japão. Entre eles, o mais valioso é esse Dodge Ball com o rótulo de "Especial de Torneio", que foi dado aos vencedores do Dodgeball Tournament, da Technos, em 1993.

Entre os não-limitados, EarthBound é o campeão de preço. Com estilo único e satírico, não foi tão popular nos EUA mas ganhou status "cult", tendo bastante procura. Seu preço vai de 90 a 350 dólares.

Neo-Geo

Se na época os jogos de Neo-Geo custavam uma pequena fortuna, anos depois e já com alto valor colecionável seriam mais baratos? Pode apostar que não. E se for raro, é ainda pior.

Kizuna Encounter (europeu)

Preço: 5 a 14 mil dólares

Kizuna Encounter europeuUm dos muitos de luta do Neo-Geo, que tem preço e raridade dentro do padrão na versão arcade (MVS). Mas se sua coleção requer a versão AES (doméstica) especificamente europeia, prepare-se para esvaziar os bolsos e demais compartimentos. É relatada, sem confirmação, a existência de no máximo 12 exemplares.

A razão exata da raridade é similar ao do Stadium Events do NES: os mínimos jogos que circularam foram vendidos na Alemanha e Áustria, pouco tempo antes de um recolhimento geral das prateleiras (recall). Quem guardou, guardou e hoje tem uma pequena joia.

Até hoje não foram vistas mais que cinco negociações do cartucho no eBay. A versão japonesa também não é das mais baratas.

Turbografx-16 / PC Engine

Com bem menos interessados, os jogos para o TG e seu irmão japonês PC-E circulam só entre colecionadores hardcore, por isso fica difícil inflacionar muito.

Darius Alpha

Preço: 350 a 1500 dólares

Darius AlphaJunto com Sapphire, esse game em formato HuCard para o PC-E é um dos mais raros do console da NEC e talvez o mais caro dos lançamentos japoneses. Para consegui-lo, era preciso comprar o HuCard e o SuperCD de Darius Plus, então enviar cupons dos manuais para participar de um sorteio, pelo qual 800 sortudos receberam o Darius Alpha. Algumas cópias foram distribuídas também como prêmio em revistas.

Entre os americanos, o campeão de preço é Magical Chase, que pode chegar aos 1500 dólares (último preço visto no eBay). Shooter em side-scroll lançado em 1993 nos EUA, foi lançado perto do fim comercial do Turbografx-16 e graças ao alvoroço feito ao redor dos excelentes efeitos gráficos, alcançou o nível "super desejado" por colecionadores.

Saturn

Chegando aos 32-bit, o da Sega não tem um super-raro, mas vários games valorizados. Continua sendo um console bem apreciado pelos jogadores, principalmente pelos ports de arcades, considerado a máquina final da geração 2D.

Psychic Assassin Taromaru

Preço: 270 a 400 dólares

Psychic Killer TaromaruCom apenas 7500 unidades produzidas antes do fechamento das instalações da Time Warner Interactive, esse game de ação 2D é um dos mais difíceis de serem encontrados, e entre essas 7500 há ainda variações na arte e manual, para tornar a vida do colecionador um inferno.

Em outro momento, o mais raro do Saturn já foi considerado o shooter Radiant Silvergun (preço estimado entre 190 e 350 dólares), mas depois descobriu-se que no Japão ele é encontrado com facilidade. Mas com a fama de raro criada antes, os donos passaram a aproveitar-se disso para inflacionar o valor.

PlayStation 1

Um dos videogames mais distribuídos e com mais jogos em circulação da história, mas alguns do Play 1 chegaram a altos valores de coleção.

Suikoden II

Preço: 80 a 400 dólares

Suikoden II PlaystationHoje reconhecido como um dos grandes RPGs do PlayStation original, recepção e oferta iniciais abaixo do esperado fizeram o Suikoden II, da Konami, ser um tanto mal distribuído. Por algum tempo, foi o título mais caçado por colecionadores dos Estados Unidos, e depois da compilação Genso Suikoden I & II lançada para PSP só no Japão, o preço caiu um pouquinho; talvez tenha saciado a sede dos jogadores.

De qualquer forma, continua avaliado como um dos mais raros e desejados. Como se vê no eBay, um exemplar novo alcança fácil os 400 dólares, enquanto um usado fica a partir dos 100.

Outro que merece destaque é o popular Final Fantasy VII. Apesar de ser um dos mais vendidos do PS, com quase 10 milhões de unidades, até bem pouco tempo uma cópia lacrada chegava a inacreditáveis 700 dólares! Agora o preço baixou, mas a maré pode virar a qualquer época.

Nintendo 64

Bastante gente aprecia o N64, mas sua vida curta não rendeu, por enquanto, um título de valor excepcional para coleção. Pelo que pesquisei, os mais valiosos:

Ogre Battle 64

Preço: 50 a 300 dólares

Ogre Battle 64Da Atlus, esse RPG tem boa reputação, e pela baixa oferta naturalmente ficou com o preço um pouco mais elevado. Em média, você não acha um desses por menos de 50 dólares, mas uma cópia selada vai bem além.

Outro com preço parecido é Conker’s Bad Fur Day, que lançado no último ano da vida do N64, conquistou um público considerável e tem grande valor nostálgico pra quem era pirralho na época. Os mais baratos estão na faixa dos 50 dólares, e os mais "novos" vão pra lá dos 200.

Dreamcast

Tão cedo abandonado pela Sega e tão querido pelo fãs, o Dreamcast tem suas jóias colecionáveis. Jogos populares que não tiveram ports em outras plataformas são os mais valorizados.

Bangai-O: Prize Edition

Preço: 500 a 1000 dólares

Bangai O Prize EditionEsse é de raridade extrema, já que só 5 existem, dados pela Treasure aos vencedores de uma competição no Japão. É idêntico ao Bangai-O "normal", exceto por um selo identificando-o como prêmio do torneio.

Poucas vezes emergiram no mercado: o primeiro foi negociado por preço desconhecido, outro vendido rapidamente por 500 dólares e outro (ou um dos mesmos, sei lá) vendido no eBay por 811 dólares. O valor máximo de mil dólares pode ser ultrapassado, já que o interesse dos colecionadores existe: falta aparecer algum dono disposto a vender.

Entre os abertos ao público, um dos caros (embora nem tão raro) é Cannon Spike; lançado no último ano do Dreamcast, muitas cópias acabaram recolhidas logo com a descontinuação do console. Dificilmente serão vistos por menos de 100 dólares, e os melhores chegam aos duzentos.

?

O mundo dos colecionadores de videogames é complicado, cheio de gente ávida por um item único, alguns por puro "Complexo de Quico" (mostrar o mínimo possível, como aquele cara do Socks the Cat Rocks the Hill, na linha "eu tenho e não te mostro"), e/ou exploradores que fazem tudo para tirar dinheiro dos que chamam de "gamers estúpidos que pagam qualquer preço". Graças à ganância desses atravessadores em manter títulos hipervalorizados, jogadores casuais e não-colecionadores são negados até de obter uma versão digital à venda (caso do Suikoden II, que teve petição online para a Konami relançar). Um terreno cheio de mesquinhez e orgulho no qual não pretendo pisar.

Mas quem gosta, não liga pra isso e às vezes nem pro preço. E mesmo achando quem se aventura completamente louco, admiro as grandes coleções; melhor que um item raro fique na mão de quem sabe cuidar dele do que largado num porão.

Artigo anteriorEspecial Phantasy Star III: Generations of Doom (Mega Drive, parte 3)
Próximo artigoReview – Aztec Adventure (Master System)
Se não tiver conta no Memória BIT, será criada uma. Nada será publicado em seu perfil.
Se já tem conta no MBIT, faça login nela e vincule-a ao Facebook.

SEM COMENTÁRIOS

X
Todos os comentários passam por moderação antes de publicados. Se o seu for aprovado, vai aparecer em breve!

DEIXE UMA RESPOSTA