FIFA teria pedido 1 bilhão de dólares para renovar licença com série da EA

Como todo mundo já sabe, a EA cogita alterar o nome de sua famosa série de futebol. Foi noticiado essa semana, com base em registros na Europa, que o nome deve perder o FIFA e virar EA Sports FC.

Mas ainda não sabia ao certo o motivo. Segundo reportagem do The New York Times, o problema principal é mesmo grana.

E muita grana. A FIFA estaria pedindo nada menos que um bilhão de dólares pela renovação da licença do título dos jogos. É mais que o dobro do acordo atual, que termina em 2022.

Segundo o artigo, as vendas da série FIFA são extremamente lucrativas para ambas as partes. Nos últimos 20 anos, a EA obteve mais de US$20 bi em vendas; a FIFA, só com o licenciamento, fatura mais de US$150 milhões por ano.

É o licenciamento mais valioso do grupo – que quer vê-lo crescer ainda mais.

Não só dinheiro

fifa 22 mbappe
FIFA deve virar EA Sports FC caso haja acordo com a FIFA – que pede uma bolada pela renovação da licença.

As negociações para a renovação se arrastam há quase dois anos, segundo pessoas próximas. Mas vão além do valor.

EA e FIFA estão em desacordo também sobre a extensão da licença. A FIFA prefere que a desenvolvedora tenha direito de uso das marcas apenas no game de futebol. Já a EA pensa num ecossistema amplo, incluindo grandes torneios, dados reais de campeonatos e até lançamento de NFTs.

Com o nome EA Sports FC registrado na Europa, a especulação da troca é grande. A decisão só deve sair pelo fim do ano, mas gente grande da indústria está desconfiada.

Peter Moore, que foi presidente da EA e deixou o cargo para assumir o gerenciamento do Liverpool em 2017, disse ao jornal que não lembra da empresa "jamais ter feito declaração sobre estarmos em negociação de renovação de licença". A EA está, na visão do executivo, "claramente enviando um pequeno sinal".

Daniel Lemes
Fundador do MB, quase mil artigos publicados em dez anos pesquisando e escrevendo sobre games. Ex-seguista, fã de Smashing Pumpkins e Yu Suzuki.

Deixe seu comentário

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui

Mais recentes

Mais lidas