416

Chrono Trigger é eleito melhor jogo dos últimos 30 anos

Votação da revista Famitsu teve mais de 7 mil participantes — game de 1995 liderou entre a faixa dos 30 anos.

1
231
────────── Publicidade ──────────

De 1995, Chrono Trigger se tornou um dos RPGs mais queridos de todos os tempos. Especialmente no Japão continua idolatrado, como indica uma recente enquete da tradicional Famitsu, através de seu site.

A revista perguntou "Qual o melhor game do período Heisei"*. Podemos considerar a enquete, em termos mais simples, como "Qual o melhor game dos últimos 30 anos" — abrangeu lançamentos entre 08/04/1989 e 08/01/2019.

* Período do Japão iniciado em abril de 1989 após a morte do imperador Hirohito. Termina em 01/05/2019, quando começa o Período Reiwa.

famitsu maio 2019Foram contabilizados mais de 7100 votos. Contrariando as expectativas de que games modernos dominariam a parada, o clássico do SNES ficou em primeiro, com 230 votos. O segundo foi The Legend of Zelda: Breath of the Wild (209 votos), e fechando o pódio, Nier: Automata (205).

Lançado no ano 7 do Período Heisei, Chrono Trigger dominou principalmente entre votantes na faixa dos 30 anos. O público masculino enfatizou características como "história, cenário e músicas que são obras-primas". O feminino esteve mais propenso a destacar "memórias inesquecíveis das viagens no tempo com o protagonista Chrono".

The Legend of Zelda: Breath of the Wild teve domínio entre públicos bem diferentes. Entre homens, foi o favorito na faixa dos 20 anos; já entre mulheres, na faixa dos 50 anos. NieR: Automata, que perdeu o "vice" por apenas 4 votos, se consagrou entre pré-adolescentes homens (a partir dos 10 anos) e mulheres na faixa dos 20. A revista, disponível em 16/05, terá o ranking dos 20 mais votados.

Criado pelo "dream team" da Square (ainda sem a Enix na época), Chrono Trigger conta a aventura de Chrono, que viaja com seus amigos por várias eras para evitar o fim do mundo nas mãos do vilão Lavos. O time teve nomes de peso como Yuji Horii, Akira Toriyama e Hironobu Sakaguchi.

Com um sistema então inovador de múltiplos finais, aparece com frequência em listas de melhores jogos da história. Foi o terceiro mais vendido de 1995, e 20º mais vendido do Super Nintendo, atrás só de franquias da própria Nintendo, e de partes das franquias Street Fighter e Dragon Quest.

VIAGameInformer
FONTEFamitsu
Artigo anteriorGame Boy completa 30 anos: 7 curiosidades sobre o portátil
Próximo artigoClássico Virtua Racing chega ao Switch via eShop

1 COMENTÁRIO