The Witcher: Enhanced Edition de graça no GOG

Game de 2007 é oferecido como brinde a quem baixar o card game Gwent. Veja como obter sua cópia livre de DRM.

0
395
────────── Publicidade ──────────

Para quem curtiu The Witcher 3 e ficou curioso com os anteriores: o primeiro game da série pode ser obtido de graça no GOG. Com o lançamento de Gwent: The Witcher Card Game, um free-to-play baseado no carteado da franquia, o título inaugural é oferecido de graça, como "cortesia".

O processo para obtê-lo é simples:

  1. Siga até o GOG e faça o download de Gwent, aqui. Ao fazer a "compra", assine o newsletter da loja. Obviamente, é preciso abrir uma conta.
  2. Em seguida você já recebe um barril de cartas como brinde. Mas não acabou...
  3. Siga até esta página e confirme. Será aberta a página do produto no GOG, com o preço normal. Compre e siga ao carrinho e o preço será com desconto de 100%.

Só isso, e The Witcher: Enhanced Edition é todo seu, para sempre. Como é padrão no GOG, não há DRM, ou seja, sem chaves ou gerenciadores. Se quiser, pode baixar também o GOG Galaxy para administrar seus downloads e atualizações.

Pra quem não conhece...

The Witcher foi lançado em 2007 para PC e desde então, vem arrebatando uma legião de fãs. Desenvolvido pela CD Projekt RED e publicado pela Atari, o game conta a história de Geralt, um dos últimos bruxos da Terra. É um RPG de ação, que teve ótimos reviews no lançamento e ganhou ports para PlayStation 3 e Xbox 360 no ano seguinte.

A versão Enhanced, de 2008, teve mudanças importantes, como mais de 200 novas animações, novos NPCs, diálogos, redesign do sistema de inventário e redução drásticas dos tempos de carregamento. Houve também a correção de bugs e inclusão de duas novas aventuras: Side Effects e The Price of Neutrality.

Requerimentos (recomendados) pra lá de leves:

  • CPU: Pentium 4 3.0 GHz ou AMD Athlon 64 +3000
  • Memória: 2 GB
  • Sistema operacional: Windows XP/Vista
  • Vídeo: GeForce 7800 GTX ou Radeon X1950 XT
  • Espaço em disco 8.5 GB

A série chegaria ao auge com The Witcher 3: Wild Hunt, de 2015. Mas o primeiro continua divertido e vale um replay. Ou uma primeira jogada, se ainda não conhece. Ainda mais de graça...