O remake de Metal Gear era uma farsa (ao que parece)

Depois de Kojima colocar fogo no pessoal sobre um possível remake, uma iniciativa apareceu no Kickstarter, mas fiascou total.

207

Em entrevista durante o Taipei Game Show, no final de janeiro, Hideo Kojima (você sabe quem é) foi perguntado: dentre seus games, qual você gostaria de fazer um remake para PlayStation 4?

Resposta: o clássico Metal Gear Solid 1, num jogo de mundo aberto usando as pedreiragens gráficas da nova geração, algo que tanto os fãs quanto ele certamente adorariam ver.

Foi o bastante pra colocar todos em rebuliço, claro. Como o próprio não tem tempo para tal empreitada, ver outra pessoa trabalhando nela seria o único caminho viável. E eis que fantasticamente, sem qualquer relação aparente com a Konami — que "guarda" engines anteriores, originais e tudo mais necessário, ou pelo menos útil — surge no Kickstarter um financiamento para o tão sonhado título.

Nossa, que daora hein? Ahn... não :grumpy:

Hideo Kojima
O "HiDEUS" quer um remake de Metal Gear Solid, mas não tem tempo pra fazê-lo.

Criada por um certo Tom, sem detalhes adicionais, links ou referências, a apresentação prometia "um novo nível de profundidade cinemática, que só a Fox Engine pode oferecer". A meta? 650 mil dólares!

Mas parece que a total falta de background, informações, imagens ou qualquer estrutura na página levou a um desinteresse coletivo. NINGUÉM contribuiu, e a campanha foi rapidamente cancelada. O pessoal está esperto em segurar suas verdinhas para investir em projetos mais confiáveis.

Fãs nem devem ter ficado chateados, porque dali provavelmente não sairia nada... Ou era algo sério e todo mundo perdeu uma grande chance?

Artigo anteriorComparativo: design de consoles americanos e japoneses
Próximo artigoToeJam & Earl tem campanha para voltar via Kickstarter