Designer da Rare revela documentos do desenvolvimento de Banjo-Kazooie

Gregg Mayles publicou esboços, concept arts e outros documentos usados durante o desenvolvimento do sucesso no Nintendo 64.

1
395

A Rare foi peça importante no "ressurgimento", por assim dizer, do Super Nintendo, durante sua batalha feroz contra a Sega e o Mega Drive, na primeira metade dos anos 90. Games como Donkey Kong Country e Killer Instinct ajudaram o console a ganhar fôlego na luta e até continuar vendendo em pleno boom do primeiro PlayStation.

A parceria com a Nintendo continuou no Nintendo 64, resultando num de seus títulos mais importantes: Banjo-Kazooie, de 1998. Seu criador, Gregg Mayles revelou várias imagens da fase de desenvolvimento, com esboços, ideias de level design, controles e mecânicas. Algumas coisas foram usadas na sequência, Banjo-Tooie.

Entre as curiosidades, a possibilidade de um golpe tipo "abraço de urso", a coleta de frutas em vez de notas musicais, e segundo o próprio Mayles, destaque para as influências diretas de Donkey Kong Country no design. Ele revela também que o urso veio primeiro — em certos esboços, como o de uso de bolas, só Banjo estava definido como personagem.

Se você jogou muito Banjo-Kazooie no Nintendo 64, confira esse registro histórico muito bacana.

banjo-kazooie maps original
A pasta de Mayles com seus documentos de desenvolvimento.

História: concebido por Mayles, Banjo-Kazooie começou com o "Project Dream" para SNES: um tipo de adventure-RPG nos moldes de Zelda (com um menino numa ilha pirata), usando tecnologia similar a de DKC, e inclusive a equipe era a mesma de Donkey Kong Country 2. Por isso, seus primeiros desenhos idealizavam os típicos cenários "2.5 D", não totalmente tridimensionais.  O projeto ficou muito grande e foi transferido para o Nintendo 64, sofrendo modificações até terminar com o urso que carrega o pássaro — num dos mais aclamados games de plataforma 3D já feitos.

Aproveite e siga Mayles no Twitter.

Artigo anteriorGrandia II HD deve chegar ao PC ainda em 2015
Próximo artigoSuper Mario 64 rom hack ganhará 25 novos níveis
Se não tiver conta no Memória BIT, será criada uma. Nada será publicado em seu perfil.
Se já tem conta no MBIT, faça login nela e vincule-a ao Facebook.

1 COMENTÁRIO

X
Todos os comentários passam por moderação antes de publicados. Se o seu for aprovado, vai aparecer em breve!
  1. Acredito que tanto Sega e Nintendo tem muita coisa guardada da era 16 e 32 bits...sem contar o n64 e DreamCast...deve ter muito rascunho, jogo e pérolas a serem revelados.

DEIXE UMA RESPOSTA