Fim de uma era: série PES é encerrada, dando lugar ao gratuito eFootball

Quem conviveu com a série PES deve ter motivos para lamentar ou comemorar na mesma medida. A Konami anunciou que sua tradicional franquia de futebol vai mudar a partir de agosto, dando lugar ao eFootball. Não é só uma mudança no nome, é uma revolução.

A primeira e mais importante é que o eFootball será free-to-play. Qualquer um poderá jogar de graça – lucros virão com ePontos da Konami e talvez outras formas in-game.

O eFootball é o primeiro da série feito em Unreal Engine. Segundo a Konami, foi necessário ao sair do modelo de lançamento anual para uma plataforma que cresce de forma contínua. "Diria que há mais opções e abordagens, e com tantas pessoas usando Unreal Engine, temos mais referências", disse o produtor Seitaro Kimura. A base de PES era o Fox Engine.

Foi publicado um trailer de mais de seis minutos, com detalhes do desenvolvimento e mostrando a participação de Iniesta e Piqué.

O novo motor, além de flexibilidade para os designers, vai permitir que o novo PES seja multiplataforma pra valer. O jogo deve estar em todos os sistemas possíveis, como PS4 e PS5, Xbox Series, Xbox One e PC – e até mobile. Todos de forma mais ou menos integrada.

Haverá mudança nos controles, então veteranos de PES terão que reaprender algo. "O Ball Control é novo este ano", disse Kimura, explicando que a mecânica "tira vantagem da entrada analógica do R2 / RT para controlar mais livremente a força do controle da bola, e o Knock-On permite toques fortes instantâneos". O sistema de defesa também terá novidades como o Match-up e o Physical Defending.

Grátis até onde você quiser

Você poderá mesmo jogar de graça até certo ponto, no típico formato f2p (se quiser mais, pague). eFootball deverá ter um formato de partidas rápidas com 9 clubes, aberto para todos. Caso queira outros modos, serão vendidos à parte. Ainda não foram revelados detalhes sobre o MyClub e a Master League.

Vai virar um pay to win? A Konami garante que não é bem assim. Apesar de adotar o modelo de lucro com microtransações, o eFootball não deverá ser "injusto" com quem não pagar. Os Option File (arquivos / patches para atualização de elencos, uniformes, etc) devem continuar, mas não há muita informação sobre as grandes atualizações, já que o esquema de títulos anuais caiu.

roadmap efootball konami
Segundo o roadmap, o eFootball deve estar totalmente integrado a partir do fim do ano, incluindo partidas entre usuários de consoles, PC e mobile. Clubes locais como Corinthians, Flamengo e São Paulo estarão nas partidas locais já a partir de setembro.

A marca PES foi lançada em 2001, substituindo a tradicional International Superstar Soccer. Até PES 6, o jogo era chamado nos Estados Unidos de Winning Eleven, mesma marca usada na Ásia até hoje. A partir de PES 2008, o nome passou a ser o oficial no mercado ocidental.

Mais sobre o eFootball deve ser divulgado durante a Gamescom 2021.

Artigo anteriorLife is Strange: Before the Storm
Próximo artigoeFootball
Daniel Lemes
Fundador do MB, quase mil artigos publicados em dez anos pesquisando e escrevendo sobre games. Ex-seguista, fã de Smashing Pumpkins e Yu Suzuki.

Deixe seu comentário

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui

Mais recentes

Mais lidas