Deathloop recebe avaliações baixas em massa no Metacritic e Steam por stuttering

Lançado no começo da semana, o aguardado Deathloop vem recebendo análises com notas altíssimas da imprensa, incluindo 10 do Gamespot e IGN. O jogo da Arkane Studios, por enquanto exclusivo do PlayStation 5 e Windows, também está bem cotado na média do Metacritic, com nota 89/100 nesse momento.

Mas entre o público, está em curso o famoso review bombing, quando usuários dão nota baixa em massa para reduzir a pontuação. A atividade já afetou títulos como No Man's Sky e recentemente Life Is Strange: True Colors (por mostrar uma bandeira do Tibet, o que causou fúria de consumidores chineses).

Deathloop está sendo massacrado por reviews ruins no Metacritic, o que empurra sua média pública para 5.8/10. Na Steam, a avaliação é "Neutra", com 67% de aprovação.

review bomb metacritic deathloop 2021

A culpa não seria falta de qualidade do jogo em si, mas do desempenho específico no PC. Jogadores reclamam de frame rate instável e até travamentos, mesmo em máquinas bem acima da configuração recomendada. Sendo um jogo de ação, o stuttering prejudica bastante a jogabilidade.

A desenvolvedora não falou oficialmente sobre o problema, ignorando reclamações de consumidores em seu perfil no Twitter. A primeira declaração veio de um gerente da publicadora, a Bethesda, no Reddit:

"[...]Quanto ao desempenho, estamos cientes das reclamações de alguns usuários de PC sobre questões de stuttering em DEATHLOOP. Estamos investigando o problema nesse exato momento como prioridade e vamos atualizá-los com mais informações específicas o mais breve possível."

De novo, Denuvo?

A desconfiança de parte dos clientes é que a culpa seja do Denuvo, sistema antipirataria com histórico óbvio (ainda que a empresa negue) de reduzir o desempenho dos jogos.

Em 2018, por exemplo, Katsuhiro Harada, produtor de Tekken 7, acusou o Denuvo pela instabilidade de frames. Alguém argumentou que poderia ser questão de programação da Namco, mas ele reforçou que era "um problema com o Denuvo". Já em Dishonored 2, também da Arkane, o problema foi solucionado após uma atualização que removeu o Denuvo. Coincidência?

Testes da Digital Foundry, porém, sugerem não haver relação aparente entre o Denuvo e problemas em Deathloop. Segundo Alexander Battaglia, há um problema, mas de outro tipo.

"Não há evidência direta no momento, em todos os meus testes, de que haja microstuttering / que o Denuvo seja responsável por qualquer coisa. Há um problema, contudo, com o que parecem ser travamentos, mas não está realmente relacionado ao desempenho. Acho que é melhor fazer um relatório sobre isso."

Em vídeo postado pelo usuário "DS" no YouTube é possível ver o stuttering em ação. É grave e ao que parece, tem relação com o mouse input, já que não acontece ao usar um controle.

Se for o caso, talvez o Denuvo não tenha culpa dessa vez. Mas ainda é cedo pra dizer.

Daniel Lemes
Fundador do MB, quase mil artigos publicados em dez anos pesquisando e escrevendo sobre games. Ex-seguista, fã de Smashing Pumpkins e Yu Suzuki.

Deixe seu comentário

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui

Mais recentes

Mais lidas