Preço do NES Classic Edition se multiplica no lançamento

"Revendedores" entram em ação, e preço dispara no eBay. Oferta deve aumentar nas próximas semanas, então CALMA.
Por: Daniel Lemes
4
219

Pra quem ainda duvida do poder que exploradores revendedores têm sobre o mercado de jogos antigos, o preço do NES Classic Edition vai se convertendo em novo bom exemplo. A miniatura oficial do Nintendinho lançada hoje tem preço sugerido de US$59,99, mas bastaram algumas horas para que o valor médio triplicasse, segundo levantamento do Ars Technica.

A edição limitada, com 30 jogos na memória, 1 controle e 1 cabo HDMI (viu Tectoy?) quase não é encontrada em lojas físicas. O site analisou 100 negociações pelo eBay e descobriu valores absurdos. A média foi de US$183,52, mais de 200% de valorização. E isso nem se compara com o lance mais alto obtido: US$499,99.

Ou seja: espertalhões pegaram boa parte da reduzida carga de lançamento, e jogaram no eBay pelo dobro, triplo do preço. E tem gente comprando: foram mais de 800 leilões concluídos em 24 horas.

A supervalorização foi, em parte, culpa de lojas americanas e principalmente da Nintendo. GameStop, Best Buy, Target, Walmart e outras redes não aceitaram pedidos antecipados; o público naturalmente recorreu ao leilão, onde a loucura está instaurada. Algumas Walmart 24 horas, que disponibilizaram o console à meia-noite, teriam não mais que 6 unidades em estoque, incapazes de atender quem formou filas na esperança de obter um.

Esse preço sugerido aí... Então, já era.
Esse preço sugerido aí... Então, pode esquecer.

A Amazon também não aceitou pedidos antecipados, e o site disse ter "quantidades muito limitadas" disponíveis até a madrugada. Chegaram a desabilitar o botão de clique e compra imediata, para permitir que mais gente recebesse pedidos já concluídos. "A demanda deve ser muito alta, e não há garantia que haverá estoque por muito tempo", disse a Amazon ao Ars Technica.

A oferta é tão baixa que mesmo a loja da Nintendo em Nova York tinha só 250 unidades, e seriam vendidas para quem chegasse primeiro numa festa temática dos anos 80 na noite passada.

Palavra de ordem: CALMA

Não dá pra afirmar se o preço seguirá nas alturas nas próximas semanas. A Nintendo vai aumentar a oferta. O Wii U chegou a ser vendido por US$750 no eBay quando lançado, mas caiu logo depois quando a demanda foi equilibrada. Por outro lado, o Wii teve pouca presença por quase um ano nas lojas. A empresa teve que negar que o sumiço fosse parte de uma conspiração para aumentar o hype.

Diante da histeria, a Big N soltou uma nota para tranquilizar geral:

O Nintendo Entertainment System: NES Classic Edition é um item quente, e estamos dando duro para atender à demanda do consumidor. Haverá um fluxo permanente de sistemas adicionais durante a temporada de compras de festas e no próximo ano. Por favor, entre em contato com seu varejista local para checar a disponibilidade do produto. Uma seleção de varejistas participantes pode ser encontrada no http://www.nintendo.com/nes-classic.

Se quiser um, fique esperto e guarde seu dinheiro em vez de sustentar "revendedores" (eu teria outros adjetivos, mas deixa quieto). O site Polygon publicou que uma nova carga de consoles chega "em algumas semanas".

Quem diria, em pleno 2016, um 8-bit fazendo barulho? Nunca subestime o poder da nostalgia, não?

FONTEArs Technica
Artigo anteriorDescobertos personagens beta de Virtua Fighter
Próximo artigo25 anos: 10 curiosidades de A Link to the Past
Se não tiver conta no Memória BIT, será criada uma. Nada será publicado em seu perfil.
Se já tem conta no MBIT, faça login nela e vincule-a ao Facebook.

4 COMENTÁRIOS

X
Todos os comentários passam por moderação antes de publicados. Se o seu for aprovado, vai aparecer em breve!
  1. O valor desse console no Brasil é absurdo, é uma pena, e mesmo se tentássemos comprar um importado corremos o risco dele ser taxado e sair ainda mais caro

  2. A culpa dos preços é da Nintendo. Qualquer coisa desejada e que tenha pouca oferta vai subir de preço mesmo. Se o produto fosse alimentos ou remédios até caberia uma discussão ética e moral dos revendedores, mas neste caso eu acho que cada um vende por quanto quiser, e o comprador compra se quiser também. Mas como ela mesma (Nintendo) deu sinal de que vai por mais peças no mercado, eu só posso pensar que a oferta inicial baixa foi proposital para criar nas pessoas esse sentimento de busca. Isto é, tudo sob controle, tudo planejado e se tem algum culpado nesta história, é quem faz o produto, não quem compra.

    • Claro, tática antiga. Baixa oferta, muita procura, cria um hypezinho. Mas pra mim quem paga 499 dólares ajuda na onda de loucura. Se não tiver quem sustente o ciclo, o preço naturalmente teria que ficar numa linha mais baixa.

      • Exatamente. Por isso que o "Calma" que você destacou no texto é a melhor coisa que qualquer um que esteja interessado pode fazer. Perfeito. É bem por aí mesmo. Até porque, é bem provável que o preço vá se estabilizar o mais próximo do preço sugerido.
        Assim espero. 🙂

DEIXE UM COMENTÁRIO