DuckTales (NES)

Jogo de 1989 foi baseado na animação e se tornou um dos jogos mais reconhecidos do console.

0
59
────────── Publicidade ──────────

Disney’s DuckTales, ou apenas DuckTales, é um jogo de ação e plataforma desenvolvido e publicado pela Capcom pela primeira vez em 1989. Foi baseado na série de animação da Disney com o mesmo nome.

Produzido pelo mesmo time básico da série Mega Man, DuckTales venderia mais de um milhão de cópias pelo mundo, se tornando o título mais vendido da Capcom para o NES. O jogo foi elogiado por seu controle, jogabilidade não linear e apresentação, sendo frequentemente citado em listas dos melhores jogos do NES.

duck tales nes

História e desenvolvimento

Embora a Capcom tivesse trabalhado antes com a Disney ao publicar Mickey Mousecapade, DuckTales se tornou o primeiro jogo licenciado que eles produziram. A equipe compartilhou vários membros importantes com os da série Mega Man original, incluindo o produtor Tokuro Fujiwara, o designer de personagens Keiji Inafune e o programador de som Yoshihiro Sakaguchi.

Um cartucho de protótipo vazado de um colecionador particular revelou várias diferenças entre a versão original e inacabada e o lançamento final, como nomes de fases diferentes, músicas não usadas no cenário da Transilvânia, um ritmo mais lento na música para o cenário da Lua, texto não utilizado ou alterado, e o personagem GizmoDuck com o nome japonês de “RoboDuck”. Apesar das mudanças, as imagens da versão beta inacabada podem ser vistas nos livros de 1990 Consumer Guide: Hot Tips e no NES Game Atlas da Nintendo.

Revisões do jogo incluíram a remoção de cruzes dos caixões no estágio da Transilvânia, substituindo-os pelas letras “RIP”, substituição de hambúrgueres como power-ups por sorvetes, e a omissão de uma opção para Tio Patinhas desistir de seu dinheiro, uma ação considerada avessa ao comportamento típico do personagem.

DuckTales foi portado para o Game Boy no final de 1990. A versão apresenta a mesma jogabilidade, música e fases do original do NES, embora o layout de cada fase tenha sido alterado para acomodar a tela de menor resolução do dispositivo portátil.

Enredo

A história envolve Scrooge McDuck (Tio Patinhas) viajando pelo mundo enquanto coleta tesouros e engana seu rival Flintheart Glomgold (Pão-Duro MacMônei) numa disputa de quem será o pato mais rico do mundo.

Jogabilidade

Em DuckTales, os jogadores controlam Tio Patinhas enquanto viaja ao redor do mundo (e no espaço) em busca de cinco tesouros para aumentar sua fortuna. Patinhas pode se locomover e atacar inimigos usando sua bengala. No chão, pode balançar a bengala para atacar inimigos e se abrir ou atirar certos objetos. Ao pular, Patinhas pode pular com sua bengala de maneira semelhante a um pula-pula e atacar inimigos por cima. Essa mecânica também permite que ele alcance áreas mais altas e salte por áreas perigosas.

Ao longo do caminho, o jogador pode achar diamantes escondidos em baús de tesouro ou aparecendo em certas áreas, o que aumenta a fortuna de Patinhas. Já sorvetes aumentarão sua saúde. O personagem encontrará vários outros da série; ele cumprem diversas funções como fornecer dicas, oferecer itens úteis, abrir acesso a novas áreas ou mesmo tentar impedir o progresso de Tio Patinhas.

DuckTales tem cinco fases: African Mines, The Amazon, The Himalayas, Transylvania e Moon. O jogador pode visitar qualquer destinos para buscar os tesouros na ordem preferida. As minas africanas e a Transilvânia devem ser revisitadas para adquirir certos itens essenciais ao progresso. Dois tesouros secretos estão espalhados pelos cinco destinos. O tesouro de cada destino é protegido por um chefe que Tio Patinhas deve derrotar para recuperar. Quando os cinco tesouros principais são coletados, o jogador retorna à Transilvânia para uma luta contra o Pato Drácula. Se derrotá-lo, o jogador enfrentará Pão-Duro MacMônei e Magica DeSpell (Maga Patalójika) pelo tesouro final.

No fim, o jogador alcança um dos três finais possíveis de acordo com seu desempenho. O final mais simples por simplesmente alcançar o final, um “final bom” por terminar com pelo menos US$ 10 milhões, e o “final ruim” por terminar sem dinheiro nenhum.

────────── Publicidade ──────────

Recepção e legado

Recepção

DuckTales foi um sucesso comercial, com a versões NES vendendo cerca de 1,67 milhão de cópias (a versão Game Boy  venderia mais 1,43 milhão) pelo mundo. Foi o título mais vendido da Capcom no console 8-bit da Nintendo, tal como seria no Game Boy.

O jogo teve crítica geralmente positiva da imprensa e jogadores, com elogios principalmente à jogabilidade e os gráficos coloridos, com a EGM (Review Crew: DuckTales”. Electronic Gaming Monthly, jan 1990) o chamando de “excelente exemplo de jogo com design muito bom”. A revista comentou ainda que o título provavelmente foi feito “com jogadores mais jovens em mente” devido à sua curta duração e relativa falta de dificuldade ou complexidade. “Você provavelmente gostará deste jogo, mas o terá terminado após o primeiro dia”, diz o artigo.

Já a revista Mean Machines, do Reino Unido, chamaria DuckTales de “muito difícil e desafiador”, adicionando que “requer muita habilidade para percorrer todo o jogo de uma só vez”. A Nintendo Power (Nintendo Power – The 20th Anniversary Issue!, agosto 2008) listaria DuckTales como o 13º melhor jogo do NES em 2008, elogiando-o como “divertido”. A revista mais tarde o colocaria em 44º em sua lista dos “285 Maiores Jogos de Todos os Tempos” (Nintendo Power – The 20th Anniversary Issue!, dezembro 2012).

Em 2009, o site IGN classificou DuckTales como décimo título na lista dos “100 Maiores Jogos do NES”, observando que “De todos os jogos feitos pela famosa arquitetura de Mega Man na Capcom (mas não era um jogo de Mega Man), DuckTales talvez seja o melhor do grupo “. A Nintendo Magazine oficial do Reino Unido posicionou o jogo no número 85 em sua lista de “100 Melhores Jogos do Nintendo” no mesmo ano, o descrevendo como um “Mega Man com um pula-pula”. Em 2013, a mesma revista o colocou como nono entre dez da lista dos “Dez Melhores Jogos do NES”.

DuckTales apareceu também em 9º no “Top 25 Games do NES” do 1UP em 2010, e 16º na lista “Melhores Jogos NES de Todos os Tempos” da GamesRadar em 2012.

O diretor criativo do DuckTales Remastered, Matt Bozon, chamou a música do DuckTales original de “uma das melhores músicas de 8 bits”. Sua equipe citou temas como o dos estágios da Transilvânia e do Himalaia como “memoráveis”. O site Polygon cita o tema da fase na Lua como a música mais reconhecida do jogo; a Geekparty a chama de “a peça mais perfeita de música de 8 bits já escrita”. O tema da Lua apareceu na animação DuckTales de 2017, como na segunda temporada, em que Della Duck (Dumbela Pato, a irmã do Pato Donald) a canta no episódio “What Ever Happened To Della Duck?“.

Legado

DuckTales teve uma sequência em 1993. Uma versão remasterizada foi lançada pela WayForward Technologies em 2013 para PC, Xbox 360, PlayStation 3 e Wii U. O jogo teve melhorias gerais e contou com parte do time que trabalhou no original. A versão do NES também foi incluída na compilação The Disney Afternoon Collection, lançada para PC, PlayStation 4 e Xbox One em 2017.

Personagens

Tio Patinhas

Patinhas McPato, mais conhecido como Tio Patinhas, é um personagem de ficção criado pelo cartunista Carl Barks. Em DuckTales, ele viaja pelo mundo coletando tesouros em disputa com o rival Pão-Duro MacMônei.

Galerias

Editaram esse artigo: Daniel Lemes

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui