Road Rash 64 (Nintendo 64)

A versão do clássico de combate veicular foi licenciado pela Electronic Arts a THQ, mas manteve a jogabilidade no console da Nintendo.

233
IMPORTANTE
Este artigo foi marcado para revisão / expansão.

Road Rash 64 é um jogo de corrida e combate veicular, parte da série Road Rash, desenvolvido pela Pacific Coast Power and Light e publicado pela THQ para o console Nintendo 64. Foi o primeiro a não ser feito pela dona da franquia, a Electronic Arts.

Lançado em 22/09/1999, o game manteve a jogabilidade clássica estabelecida desde o primeiro título, lançado para o Mega Drive em 1991: a combinação entre corridas ilegais de motocicleta com briga entre os competidores.

Sobre rodas podem ser usados quaisquer recursos normalmente ilícitos em corridas, como atingir os rivais com os punhos e armas, derrubando-os das motos ou causando o choque com veículos e obstáculos na pista.

Há também policiais no encalço dos motoqueiros, usando automóveis ou motos. Se o motoqueiro cair perto da polícia será preso, e não tendo acumulado dinheiro para pagar a fiança, o jogo termina. Se a moto for muito danificada e o jogador não tiver dinheiro para o conserto é outra situação de “game over”.

Em comparação com versões anteriores, RR64 apresenta maior variedade de armas e motos, enquanto pistas são demarcadas por trechos de estrada (contra diferentes estradas, antes). Inicialmente planejado como um port similar ao Road Rash 3D, do PlayStation, chegou-se à conclusão que a corrida havia sido muito valorizada naquele, então tudo foi repensado.

O sistema de combate ganhou destaque, com lutas intensas entre motos da IA, inclusive. O modo multiplay permite até 4 jogadores simultâneos (com a tela dividida em 4 blocos). Texturas e polígonos acabaram sofrendo uma redução em favor de suportar mais ações durante o gameplay.

A trilha sonora inclui as bandas Full on the Mouth, CIV, The Merman e Sugar Ray. A recepção da crítica foi mediana, destacando negativamente os gráficos um tanto “borrados”, mas valorizando a volta às origens com o combate priorizado.

Trilha sonora

  1. Another (Full On The Mouth)
  2. The Club (Sugar Ray)
  3. Living Life (CIV)
  4. It's Not Your Fault (CIV)
  5. Mean Machine (Sugar Ray)
  6. Miki's Lush Beehive (The Mermen)
  7. Sponge Cookie (The Mermen)

Galerias

Créditos

Expandir
Nome Função
Gabriel Jones produtor
Andrew Brown produtor associado
Erik van Rooy chefe de testes
Cory Ondrejka chefe de projeto
Dane Shears chefe de arte
John Grigsby programação
Leif Terry programação
Chris Adams arte
Ben Ridgway arte
Brian Walker arte
Richard McGovern game design
Steve Kirk som
Quem editou este artigo: Daniel Lemes