Internet Archive disponibiliza clássicos do arcade no navegador

São mais de 900 games (e crescendo), incluindo clássicos como Golden Axe e Street Fighter II, jogáveis pelo navegador.
Por: Daniel Lemes
0
290

O Internet Archive, projeto sem fins lucrativos que armazena informações e cultura digitais (especialmente dados da internet), tem um canto de grande interesse pra quem gosta de games antigos: no "Welcome to Internet Arcade", são disponibilizados mais de 900 jogos clássicos, que rodam direto pelo navegador através de emulação.

A lista é abrangente, indo desde games da chamada "era de bronze", com telas monocromáticas e sons simples, até alguns bem conhecidos dos anos 80 e 90. É uma boa chance de descobrir títulos que você nem imaginava que existiam, ou matar saudade de Golden Axe, Burger Time, Elevator Action e Ghouls'n Ghosts.

A emulação, feita com uma variação do MAME, o JSMAME, funciona com alguns probleminhas, mas que devem ser resolvidos em breve. Por enquanto os games estão sem áudio, por exemplo. Os controles são os mesmos do MAME que você já deve conhecer: crédito na tecla 6, start no 1, etc.

hang on internet arcade
Hang-on, da Sega, rodando no navegador Chrome.

Não sei como fica a questão legal, assunto que sempre vem à tona quando se fala de emuladores. Mas os jogos estão lá, prontos e esperando pra serem jogados. Se você não é dos que gostam da ideia de instalar e configurar um emulador, pode ser sua única chance de rever tais relíquias sem ter que ir a um arcade-muquifo caçar velharias.

Notei um pequeno delay nos comandos, muito pouco mesmo, mas em alguns jogos atrapalha, como Enduro. Vale testar.

Artigo anteriorDá pra aprender a pilotar com games?
Próximo artigoReview: The Activision Decathlon (Atari 2600)
Se não tiver conta no Memória BIT, será criada uma. Nada será publicado em seu perfil.
Se já tem conta no MBIT, faça login nela e vincule-a ao Facebook.

SEM COMENTÁRIOS

X
Todos os comentários passam por moderação antes de publicados. Se o seu for aprovado, vai aparecer em breve!

DEIXE UM COMENTÁRIO