The King of Fighters ’94 (Neo Geo)

A SNK misturou personagens de vários jogos num sistema de times e conseguiu grande sucesso a partir de 1994.
Atualização: Daniel Lemes
0
158

The King of Fighters '94 é um jogo de luta lançado pela SNK para o Neo-Geo em 1994. Abrindo a série The King of Fighters, ele mistura personagens originais e de jogos como Fatal Fury e Art of Fighting, e menos reconhecidos como Ikari Warriors e Psycho Soldier. Depois da versão arcade (MVS), foi lançado para o Neo-Geo AES, Neo Geo CD, e no remake Re-Bout, para PlayStation 2 e Xbox.

A SNK reuniu elementos de vários jogos como forma de atrair atenção aos menos conhecidos. O sistema de equipes com três lutadores e a jogabilidade foram bem recebidos por público e crítica, gerando sequências anuais.

Enredo

Apesar do nome igual aos torneios anteriores, sob tutela dos vilões Geese Howard (Art of Fighting 2 e Fatal Fury) e Wolfgang Krauser (Fatal Fury 2), este é diferente. O torneio para eleger "O Rei dos Lutadores" foi organizado por Rugal Bernstein, milionário criminoso — e cruel e impiedoso lutador. Ele viajou pelo mundo com sua secretária selecionando 24 estrelas, divididas em 8 equipes de três membros. Cada equipe representa um país.

Spoiler
No fim da competição, a secretária, Mature, convida o time japonês para o combate final no porta-aviões Black Noah. É quando Rugal revela seu objetivo: destruir o time campeão e adicioná-lo a sua coleção de estátuas, feitas de oponentes anteriores. Derrotado, ele inicia um mecanismo de autodestruição do navio avisando que "um túmulo marinho aguarda vocês". Mas o time escapa a tempo e se separa, prometendo treinar para a próxima.

Introdução oficial da SNK:

"O ano, 1994. Mais uma vez, convites para o King of Fighters são enviados para os nomes mais temidos do mundo. Mas o anfitrião dessa pequena festa continua desconhecido. Não pode ser Geese, nem Krauser. Então de onde seria ele...?

Entre todas as esperanças e dúvidas, os lendários superstars da luta mundial começam a formar seus poderosos times. Em que tipo de batalha, que certamente entrará para a história, esses magníficos combatentes estarão? A voltagem da empolgação dos fãs alcança um tom febril enquanto o torneio enfim se aproxima do início."

Personagens

kof-94-selecao-team
Seleção de times em KOF 94

A maioria veio de games reconhecidos da SNK, mas nacionalidades não necessariamente representam as dos lutadores. O Team Italy veio de Fatal Fury (Terry, Andy e Joe). Os amigos Ryo e Robert Garcia, de Art of Fighting, foram reunidos com o mentor e pai de Ryo, Takuma, para formar o Team Mexico. O Team Korea inclui Kim (Fatal Fury 2) como líder de dois criminosos sob sua guarda, Chang e Choi. O Team England é um mix de personagens femininas de Fatal Fury 2 e Art of Fighting: Mai, Yuri e King.

Athena e Kensou, de Psycho Soldier (antigo side scroll de ação da SNK), foram para o Team China com o mentor Chin. O Team Brazil foi montado com personagens do run and gun Ikari Warriors, Ralf e Clark, além de seu comandante, Heidern. Os times Japan e USA são originais, formados respectivamente por Kyo, Benimaru e Goro, e Heavy D!, Lucky e Brian.

Por suas características, cada time recebeu um apelido oficial.

Equipe Apelido Integrantes
?? Japan Team Hero Team Kyo Kusanagi, Benimaru Nikaido e Goro Daimon
?? Italy Team Fatal Fury Team Terry Bogard, Andy Bogard e Joe Higashi
?? Brazil Team Ikari Team Heidern, Ralf Jones e Clark Still
?? England Team Woman Fighters Team King, Mai Shiranui e Yuri Sakazaki
?? Mexico Team Art of Fighting Team Takuma Sakazaki, Ryo Sakazaki e Robert Garcia
?? Korea Team Kim Team Kim Kaphwan, Choi Bounge e Chang Koehan
?? USA Team American Sports Team Heavy D!, Lucky Glauber e Brian Battler
?? China Team Psycho Soldiers Team Athena Asamiya, Chin Gentsai e Sie Kensou

Desenvolvimento

O primeiro protótipo era um beat 'em up, com o título Survivor. Ele teria só personagens de Art of Fighting e Fatal Fury, com Robert e Terry na versão de testes. A ideia foi abandonada mais tarde, mas como a SNK estava decidida pela criação de um crossover, foram na opção mais tradicional do fighting game. Personagens de Ikari Warriors e Psycho Soldier entraram depois. O conceito de equipe foi mantido do beat 'em up, e o título The King of Fighters, reutilizado do subtítulo do primeiro Fatal Fury.

O diretor e designer de níveis e mecânicas Toyohisa Tanabe contou no artbook japonês The King of Fighters Perfect Reader que personagens de Art of Fighting e Fatal Fury visavam o público mais velho. Os novatos deveriam ter apelo com crianças e jovens, e novas audiências. Personagens como Benimaru e Chang entraram para aumentar a variedade do elenco, considerado muito sério. O staff da SNK teve problemas com o marketing devido a falta de dinheiro, e alguns anúncios não foram notados por serem considerados de baixa qualidade.

O artista Chikara Yamasaki disse que não havia confiança total na equipe no sucesso da produção:

Durante o desenvolvimento de KOF '94, parece que o principal programador pensou que o game não venderia bem, mas imaginei que ele pegaria. Imaginei que muita gente estaria no local do primeiro teste, também. Mas só 10 pessoas apareceram (rindo).

Os designers queriam um protagonista estiloso, que lutasse facilmente com personagens consagrados. O resultado foi Kyo. Rugal foi desenvolvido para ser o personagem "mais violento e mau já feito".

O conceito original apontava uma "Equipe de Fugitivos" com Chang, Choi e um criminoso desconhecido, mas Kim entrou formando o time coreano. O English Team seria King, de Art of Fighting, Billy Kane e Big Bear, de Fatal Fury 1 e 2, respectivamente. Mas houve problema no design de Big Bear, e os produtores de Art of Fighting insistiram na adição de Yuri. Ela herdou a vaga de Billy, e Mai tomou o lugar de Big Bear para fechar a equipe feminina.

A maioria dos personagens teria algum tipo de movimento refeito ou removido para manter o equilíbrio. Mas os designers focaram em ajustar isso sem remover nada. No fim, os criadores notaram que personagens de Art of Fighting eram mais fortes, mas trabalharam mais em Terry e Andy, que ganharam novos movimentos.

Jogabilidade

kof-94-japan-vs-japan
Team Japan vs Team Japan em KOF 94

O gameplay é similar ao de séries anteriores da SNK. São quatro botões de ataque, numa configuração de socos e chutes fraco e forte. Técnicas podem ser realizadas com combinações de botões, como esquivar-se de ataques. O direcional, comum a jogos de luta, permite pulos e comandos especiais em combinação com os botões.

Cada jogador tem uma barra de power, carregada ao bloquear, ser atacado, ou segurando 3 botões ao mesmo tempo (o lutador fica vulnerável). Com a barra cheia, o ataque básico fica mais forte por um tempo, e o lutador brilha. Neste estado, os personagens podem realizar um Desperation Move, que consome o power; eles também são acessíveis se o lutador tiver menos de 20% de energia. Se as duas condições forem verdadeiras, o golpe vira um Super Desperation Move. Provocações reduzem o power do oponente, a velocidade de seu carregamento, e o impedem de completar a barra.

O ponto mais notável foi o "Team Battle System". Em vez de escolher um lutador como em outros jogos do gênero, cada jogador selecione 3, formando um time. Antes da luta, escolhe-se a ordem em que os personagens entrarão no combate. Quando um é derrotado, o seguinte na ordem entra na luta, enquanto o oponente mantém a barra de energia da luta anterior, com uma pequena porção restaurada, caso tenha sofrido dano.

O jogador pode ainda "pedir socorro" a um personagem enquanto controla outro; nesse caso, o reserva entra rapidamente no combate aplicando um golpe auxiliar. A luta termina quando os três membros do time são derrotados.

Recepção e legado

kof-94-rebout
Arte do remake Re-Bout, de 2004.

KOF '94 foi muito recebido pelo público, com críticas igualmente positivas. Rugal ficou marcado como um dos chefes mais "apelões" da SNK, e Kyo ganhou status no portfólio da empresa. A presença de personagens diversos e o sistema de equipes foram elogiados, mas a GamePro criticou o desequilíbrio, notando que enquanto alguns eram poderosos, outros pareciam "patetas". Mesmo assim, nomeadaram KOF '94 como melhor jogo de luta no Neo-Geo fora da série Samurai Shodown.

A EGM o elegeu "Melhor Jogo de Luta de 1994" e "Melhor Jogo do Neo-Geo de 1994". No Japão, foi nomeado "Jogo do Ano de 1994" no 8º Prêmio Anual da revista Gamest. Venceu também nas categorias "Melhor Jogo de Luta Competitivo" e "Melhor Direção", além de quinto em "Melhores Gráficos", e terceiro em "Melhor Trilha Sonora". Vários personagens do game entraram na lista de melhores do ano, incluindo Athena (3º), Kyo (4º), Yuri (7º), King (8º) e Mai (10º). Reviews e artigos modernos destacam que, na época, o sistema de equipes foi uma inovação, como o da IGN, e da 1UP que chamou a mistura de "um tremendo de um elenco".

Além de inaugurar a série, KOF '94 gerou mídias licenciadas, incluindo CDs com a trilha sonora, mangás, tiras e livros ilustrados. Em 2004, no décimo aniversário da série, a SNK lançou no Japão o remake The King of Fighters '94 Re-Bout para PlayStation 2 e Xbox. As novidades foram sprites em maior resolução sobre backgrounds 3D, um editor de times, chefes selecionáveis, novos arranjos musicais, abertura animada e cenários e modo versus online. Uma versão americana até foi anunciada para Xbox, e apesar de completa e revisada por algumas publicações, foi cancelada em 2006 por motivos desconhecidos. A SNK teria recebido um feedback negativo a respeito dos sprites antigos redesenhados, e isso contribuiu no redesenho a partir de The King of Fighters Neowave. O disco inclui o jogo original.

Em 2008, KOF '94 foi relançado no pacote SNK Arcade Classics Vol. 1 para PlayStation2, PSP e Wii.

Mídia

Cenários

kof94-brazil
Brazil
kof94-mexico
Mexico
kof94-usa
USA
kof94-korea
Korea
kof94-japan
Japan
kof94-italy
Italy
kof94-england
England
kof94-rugal
Rugal cenário round 1
kof94-rugal2
Rugal cenário round 2

Cenários: SNK Wikia

Se não tiver conta no Memória BIT, será criada uma. Nada será publicado em seu perfil.
Se já tem conta no MBIT, faça login nela e vincule-a ao Facebook.

SEM COMENTÁRIOS

X
Todos os comentários passam por moderação antes de publicados. Se o seu for aprovado, vai aparecer em breve!

DEIXE UM COMENTÁRIO